Brasileiro cria vaso sanitário que gasta apenas 2 litros por acionamento

As tecnologias que reduzem o desperdício de água em residências estão cada vez mais aprimoradas. Descargas com vasão dupla já são comuns, mas o empresário brasileiro Leonardo Lopes criou um modelo ainda mais eficiente. O vaso sanitário desenvolvido por ele utiliza apenas dois litros de água a cada acionamento.

O modelo é comercializado pela Acquamatic e permite a economia de até oito litro a cada acionamento, se comparado aos modelos tradicionais. Segundo o empresário, um dos segredos para a eficiência é a ausência de sifão. Assim, um basculante despeja os dejetos diretamente na prumada do esgoto. Ele ainda explica que tudo acontece pela própria dinâmica da água, sem a necessidade do uso de eletricidade.

Enquanto os sanitários tradicionais gastam um litro de água para evitar o mau cheiro, o modelo desenvolvido por Lopes usa apenas 200 ml. Tamanha eficiência rendeu o selo hídrico ao produto. Outro diferencial foi o uso do polímero ABS na fabricação, mais resistente do que a louça utilizada nos vasos comuns.

A matéria-prima reduz os níveis de poluição durante toda a fase de produção e descarte. O modelo também é altamente resistente, suportando até 1,5 tonelada, conforme informado pelo fabricante.

Fonte: ciclovivo.com.br

Publicado em Meio Ambiente | Com a tag , , , , , , | Deixar um comentário

Empresa baiana incentiva uso das bicicletas entre colaboradores e clientes

O maior shopping de automóveis da Bahia lançou recentemente uma campanha que inclui premiação de uma bicicleta para cada carro vendido, instalação de bicicletário na sede em Salvador e um conjunto de anúncios educativos na fachada do centro comercial. Batizada de Agora Você Vai de Bike, a iniciativa é uma adesão ao Movimento Salvador Vai de Bike, cujo um dos objetivos é provocar os empresários locais para que participem das ações voltadas a melhoria da mobilidade urbana na cidade.
“Aderimos ao Movimento Salvador Vai de Bike porque acreditamos nessas mudanças que a Prefeitura está propondo para a cidade. Vendemos carros, mas entendemos que a bicicleta é um meio de transporte sustentável”, explica a administradora do Auto Shopping Itapoan, Daniela Peres.
O centro comercial colocou adesivos em sua fachada com peças da campanha educativa desenvolvida pelo Movimento Salvador Vai de Bike. São seis painéis frontais que juntos somam 111 metros quadrados, onde há informações como “Bikes me representam”; “Meu outro carro é uma bike”; “Eu respeito 1,5 m” e “Eu amo bike”.
“Conseguimos fazer com que uma empresa que vende carros compreendesse a importância do uso da bicicleta. O carro pode ser usado para várias coisas, mas isso não significa que seja incompatível com as bikes. Essa é uma iniciativa da classe empresarial que contribui para a mobilidade da cidade e o que é melhor, sem custo para a prefeitura”, avalia o secretário do Escritório de Projetos Especiais do Gabinete do Prefeito e Coordenador do Movimento Salvador Vai de Bike, Isaac Edington.
Compromisso de todos
A ideia do Auto Shopping Itapoan de incentivar o uso da bicicleta entre clientes e colaboradores surgiu logo após o II Fórum Salvador Vai de Bike, quando houve a oportunidade de ouvir especialistas no assunto falando para empresários locais sobre “As Empresas, a bicicleta e a cidade”.
De acordo com Daniela Peres, a campanha é atemporal. “Somos nós quem fazemos o trânsito e torná-lo mais agradável é um compromisso de todos. Essa campanha educativa de respeito ao ciclista não tem prazo porque é um assunto permanente”, conclui.

Fonte: ecodesenvolvimento.org

Publicado em Meio Ambiente | Com a tag , , , | Deixar um comentário

Grupo IDEIAS apoiará 2º Fórum Liberdade e Democracia

O Grupo IDEIAS apoiará a realização do 2º Fórum Liberdade e Democracia, no próximo dia 03 de novembro, no Vitória Grand Hall.

O Fórum, realizado pelo Instituto Líderes do Amanhã, levantará questões e propostas para o novo ciclo político que se inicia após as eleições deste ano.

A programação será dividida em três painéis: “Cenários políticos para o novo ciclo”; “Vinte anos do Plano Real: passado, presente e futuro” e “Política externa brasileira e a relação com a América Latina”. Para falar sobre os assuntos, o Fórum contará com a participação do economista e colunista da Revista Veja, Rodrigo Constantino; do colunista do jornal O Globo, Marcelo Madureira; do senador Ricardo Ferraço; do senador boliviano, Roger Molina; e do diplomata brasileiro, Eduardo Saboia.

Em 2013, o Fórum reuniu cerca de 600 participantes, entre empresários, estudantes, professores e políticos, e teve como tema “Brasil: país do futuro, até quando?”. Como palestrantes dos painéis, o diretor da BMC Hyundai S/A, Felipe Cavalieri, o sócio-fundador do Banco Pactual e do Ibmec Business School, Paulo Guedes, o presidente no Brasil do grupo chileno Companhia Manufatureira de Papéis e Cartões (CMPC), Walter Lídio Nunes, o presidente do Conselho de Administração da ArcelorMittal, José Armando Campos, o doutorando e mestre em Ciência Política e Relações Internacionais pela Universidade Católica Portuguesa e Universidade de Oxford, Bruno Garschagen, o fundador da Fucape Business School, Aridelmo Teixeira, o presidente da Associação Nacional de Jornais e membro do Conselho de Administração da Associação Mundial de Jornais, Carlos Fernando M. Lindenberg Neto, além do presidente do Instituto Liberal, Rodrigo Constantino.

Acesse: http://www.credencialonline.com.br/lideres


Publicado em Eventos | Com a tag , , | Deixar um comentário

Botões ecológicos com cheiro a café!

Botões ecológicos feitos com borras de café, esta é a nova aposta de uma fábrica portuguesa que quer aproveitar o lixo gerado pelos milhares de cafezinhos que os portugueses tanto gostam de tomar todos os dias.Avelino Rego, administrador da Louropel, empresa de Famalicão que criou os botões inovadores e ecológicos, explicou que o pó de café constitui 70 % do botão, sendo o restante uma resina reciclada de poliéster polimerizado, que serve de cola e que dá consistência à peça. “O botão fica, naturalmente, com cheiro a café“, acrescentou.

Na fase inicial, o pó de café foi recolhida apenas em “quatro ou cinco cafés” da região. “Em vez de ir para o lixo, como acontecia até aqui, o pó é guardado e depois utilizado na produção de botões”, acrescentou Avelino Rego.A Louropel produz atualmente 12 milhões de botões por dia, sendo que os botões ecológicos já representam 25 % do total.

Apesar da inovação dos botões feitos com o pó de café, a produção de botões com produtos naturais não é novidade para esta empresa. A Louropel já incorpora produtos naturais e reciclados como papel, farinha de sêmola, algodão, leite em pó, serradura de madeira, folha de madeira natural, fécula de batata, cortiça e outros vegetais.Marcas e estilistas do mundo da moda internacional como Giorgio Armani, Valentino, Hugo Boss, Zara, Massimo Dutti, Ralph Lauren, Lacoste, Adolfo Dominguez, Shicha, Kenzo, Ted Baker e Tommy Hilfiger figuram entre os clientes da Louropel, cujos botões são vendidos em 25 países.a

Fonte: greennation.com.br

 

Publicado em Meio Ambiente | Com a tag , | Deixar um comentário